Thanandra Sarapatinhas e Erlan Bastos detalham 'Briga' dentro de emissora de TV - Bastidores
Sexta, 14 de junho de 2024, 18:23
Bastidores

Thanandra Sarapatinhas e Erlan Bastos detalham 'Briga' dentro de emissora de TV

O Central Piauí procurou Wrias Moura para comentar sobre o incidente.

Nesta quarta-feira (05), a vereadora Thanandra Sarapatinhas fez uma aparição nas redes sociais visivelmente emocionada, relatando um ‘possível’ incidente desagradável envolvendo o jornalista e pré-candidato a vereador de Teresina, Erlan Bastos. Segundo a vereadora, Erlan tentou agredi-la, enquanto ele afirma que pretende divulgar imagens das câmeras de segurança da emissora para esclarecer o incidente. O Central Piauí conseguiu ouvir as versões exclusivas dos envolvidos.

Thanandra explicou que estava em casa quando recebeu um vídeo que, segundo ela, mostrava o jornalista 'denegrindo' sua imagem. Ela então dirigiu-se à emissora para relatar o ocorrido ao diretor geral do grupo Meio, Wrias Moura, alegando que Erlan estava utilizando os canais da emissora para fazer comentários negativos sobre ela.

  

Thanandra Sarapatinhas, vereadora de Teresina. Lucas Dias/GP1
   

"Quando eu subi as escadas para falar com Wrias, ele estava no meio das pessoas e começou, falou assim; “Essa emissora está muito mal frequentada, olha, o tipo de gente que está aqui”. Eu me virei, olhei para ele, mostrei o dedo do meio, e disse; Vamos lá, vagabundo, repete. Fui em direção a ele. Quando cheguei lá, ele começou a me ofender. Na hora que ele começou a me ofender, eu fui em direção a uma mesa dele e disse Vamos lá, vagabundo, repete. Então ele se levantou como se fosse me bater. Pessoas intervieram e o afastaram. Eu também fui até lá, fiquei perto e a garota também me afastou. Tentei tirar os óculos do rosto dele. Nem consegui, nem cheguei perto. Então ele ficou lá me chamando de amante destruidora de lares, que minha filha era filha de rapariga, falou um monte de coisas. Eu xinguei ele também", relatou a vereadora.

Thanandra ressaltou que esta não foi a primeira vez que o apresentador tentou desestabilizá-la e disseminar mentiras sobre o projeto dela, "Fim das Carroças".

"Desde janeiro, ele está me atacando e falando da minha vida pessoal, inventando que eu quero deixar carroceiros sem emprego, sendo que isso não é verdade. Ninguém ficará sem emprego, o animal só será retirado depois que a pessoa for inserida no mercado de trabalho. Isso vai levar mais de um ano. E ele fica inventando", explicou.

A vereadora afirmou que registrou um boletim de ocorrência contra Erlan Bastos e alegou que o pré-candidato está tentando ganhar votos usando sua imagem para se promover.

"Ele foi para o Ceará, ficou lá e depois voltou fazendo confusão. Ele quer ganhar visibilidade às minhas custas e fica nessa perseguição. Depois veio essa história dos carroceiros. Se ele ganhar, não fará nada. Ele não tem propostas, não tem público, não tem causa, não tem nada. Ele só vai fazer baixaria na Câmara, porque é o que ele sabe fazer", concluiu.

O DIZ ERLAN

Erlan Bastos, por sua vez, afirmou que a vereadora chegou à emissora fazendo gestos obscenos para ele enquanto ele comemorava seu aniversário. Ele disse que irá divulgar imagens que comprovam sua versão e lamentou a postura da vereadora.

  

Apresentador de TV, Erlan Bastos. Foto: Reprodução
   

"A vereadora me viu, fez gestos obscenos, depois voltou correndo para cima de mim, tentando me bater. Gritou, falou coisas de baixo calão e etc. Tudo foi registrado pela câmera de segurança que devo divulgar. É lamentável a postura infantil de uma mulher que está no cargo de vereadora, não respeita o cargo. Mostra realmente o total descontrole dela", comentou.

Sobre as acusações da vereadora de que ele estaria se aproveitando de sua imagem, Erlan disse que isso não faz sentido.

"Eu tenho quase 400.000 seguidores no Instagram, quase 200.000 no Twitter. Tenho um site de notícias com 30 milhões de acessos por mês. O que eu ganharia em cima dela? Não entendo essa lógica que ela usa. Ela é superestimada", argumentou.

Erlan afirmou ainda que não se arrepende dos comentários feitos e que irá processar Thanandra civil e criminalmente.

"Não retiro absolutamente nenhum dos comentários que fiz sobre ela. Nenhum deles é mentiroso. Estou processando ela criminalmente, civilmente e não tenho interesse em ter qualquer tipo de contato com essa pessoa, exceto no âmbito judicial", concluiu.

O Central Piauí procurou Wrias Moura para comentar sobre o incidente, mas até o fechamento desta matéria, não obteve retorno.

Leia Também

Dê sua opinião: