Torcedores do Valencia são condenados por insultos racistas a Vinicius Junior - Esportes
Sexta, 14 de junho de 2024, 18:42
Esportes

Torcedores do Valencia são condenados por insultos racistas a Vinicius Junior

Além da pena de prisão, foram proibidos de frequentar estádios de futebol por dois anos.

Três torcedores do Valencia receberam uma sentença de oito meses de prisão nesta segunda-feira por proferirem insultos racistas ao jogador brasileiro Vinicius Junior, do Real Madrid, durante uma partida no estádio Mestalla em maio do ano passado. Além da pena de prisão, foram proibidos de frequentar estádios de futebol por dois anos e terão que arcar com as despesas legais do processo.

  
Vinicius Júnior, atacante do Real Madrid. Foto: reprodução
 
 
 

Vinicius Junior relatou ter sido alvo de comentários racistas durante o jogo entre Real Madrid e Valencia em 21 de maio do ano passado, o que levou à interrupção da partida. Após uma denúncia da La Liga, os torcedores foram identificados com a assistência das câmeras de segurança do estádio.

Antes de receberem a sentença, os acusados leram uma carta na qual pediram desculpas a Vinicius Junior, à La Liga e ao Real Madrid. Até o momento, não foi divulgado se a defesa pretende recorrer da decisão judicial.

  
Partida d efutebol contra o Valencia. Foto: reprodução
 
 
 

"Esta sentença é uma ótima notícia para a luta contra o racismo na Espanha, pois repara os danos sofridos por Vinicius Jr. e envia uma mensagem clara para aquelas pessoas que vão a um estádio de futebol para insultar que a Liga irá detectar, denunciar, e haverá consequências penais para eles", afirmou o presidente da La Liga, Javier Tebas.

A condenação dos torcedores demonstra uma postura firme contra o racismo no futebol espanhol, destacando a importância de punições severas para aqueles que propagam discursos discriminatórios nos estádios.

Leia Também

Dê sua opinião: