Delegado é demitido da Polícia Civil do Piauí por envolvimento em homicídio - Piauí
Sexta, 14 de junho de 2024, 19:18
Piauí

Delegado é demitido da Polícia Civil do Piauí por envolvimento em homicídio

A decisão foi oficializada em portaria publicada no Diário Oficial do Piauí nesta sexta-feira (31)

O secretário de Segurança Pública do Piauí, Chico Lucas, demitiu o delegado Francisco Bernardone da Costa Valle, ex-prefeito de Aroazes, dos quadros da Polícia Civil do estado. A decisão foi oficializada em portaria publicada no Diário Oficial do Piauí nesta sexta-feira (31).

  
Francisco Bernardone Foto: Reprodução
 
 
 

Francisco Bernardone foi expulso com base em um Processo Administrativo Disciplinar da Corregedoria da Polícia Civil, devido a duas condenações criminais por homicídio e tentativa de homicídio, ambas já transitadas em julgado. Ele foi sentenciado à prisão por ser o mandante do assassinato do então prefeito de Aroazes, Manoel Portela, ocorrido em 1996.


A portaria assinada pelo secretário Chico Lucas destaca que Bernardone foi desligado da Polícia Civil "por ocasião das condenações criminais transitadas em julgado cuja natureza e gravidade evidenciam a incompatibilidade para o exercício de cargo público, em especial o cargo de Delegado de Polícia Civil do Estado do Piauí, que tem por finalidade o respeito à dignidade da pessoa humana, garantido sua integridade física e moral". 


Bernardone foi notificado da decisão e deverá devolver sua carteira funcional, insígnias, distintivos, armas e outros documentos que o identificam como delegado. O Departamento de Gestão de Pessoas da Polícia Civil do Piauí também foi instruído a registrar a demissão nos assentamentos funcionais de Bernardone.


Em 2010, Francisco Bernardone foi condenado a 15 anos de prisão pelo homicídio qualificado de Manoel Portela, morto com um tiro à queima-roupa em 11 de dezembro de 1996, em Teresina. A motivação do crime foi política, uma vez que Manoel Portela havia derrotado Manoel Raimundo, irmão de Bernardone, nas eleições. Bernardone também foi condenado por tentativa de homicídio contra um funcionário de uma funerária em Teresina.

Leia Também

Dê sua opinião: