Motociclista é preso em Picos com maior índice de embriaguez registrado no Piauí - Piauí
Sexta, 14 de junho de 2024, 19:29
Piauí

Motociclista é preso em Picos com maior índice de embriaguez registrado no Piauí

Os policiais relataram que o homem estava conduzindo a moto sem capacete.

Neste sábado (8), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) divulgou a prisão de um motociclista em Picos, por embriaguez ao volante. O motociclista, que não teve seu nome informado, foi preso no início da semana após apresentar um índice de 1,85 ml de álcool por litro de ar expelido pelos pulmões, o maior já registrado no estado do Piauí.

  

Apreensão da Polícia Rodoviária Federal. Foto: Reprodução
   

De acordo com a PRF, uma latinha de cerveja de cerca de 300 ml resulta em 0,05 ml de álcool por litro de ar no teste do bafômetro. Com isso, o índice registrado equivale ao consumo de pelo menos 35 latinhas de cerveja. Este nível de embriaguez ao volante, considerado crime, levou à prisão do motociclista.

Os policiais relataram que o homem estava conduzindo a moto sem capacete, motivo pelo qual foi dada a ordem de parada. Ao se aproximarem, os agentes perceberam que ele apresentava sinais claros de embriaguez, como coordenação motora alterada, olhos vermelhos e forte cheiro de álcool. O exame de bafômetro confirmou a embriaguez.

Nos últimos cinco meses, a PRF no Piauí registrou um aumento de 40% nos casos de embriaguez ao volante em comparação com o mesmo período do ano passado. Até o início deste mês, 29 pessoas foram presas por dirigir sob efeito de álcool.

Além de representar um grave risco à vida nas rodovias, o consumo excessivo de álcool também sobrecarrega o sistema de saúde. O neurologista Tércio Luz explica que o consumo de álcool em excesso pode afetar vários órgãos do organismo e o sistema nervoso central, causando desde sintomas leves até casos mais graves, que podem levar à morte.

Leia Também

Dê sua opinião: