Cantor Jhonata Araújo é indiciado por homicídio de caminhoneiro no Piauí - Polícia
Sábado, 25 de maio de 2024, 23:29
Polícia

Cantor Jhonata Araújo é indiciado por homicídio de caminhoneiro no Piauí

Jhonata foi indiciado pelo crime de homicídio qualificado por motivo fútil, com o emprego de arma de fogo de uso restrito.

A Polícia Civil do Piauí, por meio da Delegacia de Polícia Civil de União, concluiu o inquérito sobre o homicídio do caminhoneiro Valdenilson Sousa Oliveira, 39 anos, ocorrido em 21 de março deste ano, na PI 112, durante uma briga de trânsito. O cantor Jhonata Araújo Costa foi indiciado pelo crime de homicídio qualificado por motivo fútil, com o emprego de arma de fogo de uso restrito. Seu tio, Josimar Antônio Costa, também foi indiciado por porte ilegal de arma de fogo.

  

Jhonata e Josimar Foto: Reprodução

   


De acordo com o delegado Natan Cardoso, responsável pelo inquérito, no dia do incidente, Jhonata e Josimar se envolveram em uma discussão no trânsito com a vítima. Os veículos pararam na localidade Concórdia, e um disparo de arma de fogo, vindo da caminhonete S10 ocupada pelos indiciados, atingiu a cabeça de Valdenilson, levando-o a óbito no local.

Segundo o relato de Jhonata, durante a discussão, Valdenilson teria apontado uma arma para Josimar, ameaçando matá-lo. Nesse momento, Jhonata pegou a arma que seu tio tinha no porta-luvas do carro e efetuou um único disparo, alegando agir em defesa do tio. Por sua vez, Josimar relatou que, ao se aproximar do carro da vítima, foi xingado e ameaçado de morte, e logo depois ouviu o disparo efetuado pelo sobrinho.

O delegado decidiu não converter as prisões temporárias em preventivas, considerando que os investigados se apresentaram voluntariamente e colaboraram com as investigações. Além disso, destacou que ambos têm ocupação lícita, endereço fixo e não possuem antecedentes criminais. Durante a instrução do caso, será avaliada a possibilidade de alegação de legítima defesa, e foi sugerida a concessão de liberdade provisória com medidas cautelares.

Leia Também

Dê sua opinião: