Operação Proteu: Polícia Civil prende 8 acusados por aplicar golpe do 'Falso Parente' - Polícia
Segunda, 15 de julho de 2024, 23:17
Polícia

Operação Proteu: Polícia Civil prende 8 acusados por aplicar golpe do 'Falso Parente'

As ações foram expedidas pelo Juiz da Central de Inquéritos de Teresina, Valdemir Ferreira Santos.

Na manhã de quarta-feira (26), a Polícia Civil do Piauí cumpriu mandados de busca, apreensão e prisão temporária nas cidades de Timon (MA), Goiânia (GO), Senador Canedo (GO) e Aparecida de Goiânia (GO). As ações foram expedidas pelo Juiz da Central de Inquéritos de Teresina, Valdemir Ferreira Santos, como parte da Operação Proteu, que investiga crimes de estelionato.

  

Operação Proteu. Foto: Reprodução
   

A operação foi coordenada pela Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática (DRCI) com apoio da Diretoria de Inteligência da PC-PI e em colaboração com a Polícia Civil de Goiás. Até o momento, foram realizadas oito prisões.

Segundo as investigações, os criminosos utilizavam o golpe do “Falso Parente”. Nesse esquema, os golpistas se passavam por parentes das vítimas utilizando fotos de perfil no WhatsApp. Eles entravam em contato com pais ou outros familiares, informando que estavam com um novo número de telefone e, em seguida, pediam dinheiro emprestado para contas de terceiros (laranjas).

O delegado Humberto Mácola, coordenador da DRCI, afirmou que a operação continua e novas prisões podem ocorrer. “As investigações continuam para que todos os envolvidos na prática criminosa sejam responsabilizados”, destacou o delegado.

Leia Também

Dê sua opinião: