"Patricinha do Aplicativo’ é presa por atrair motoristas para roubo em Timon (MA) - Polícia
Terça, 16 de julho de 2024, 01:04
Polícia

"Patricinha do Aplicativo’ é presa por atrair motoristas para roubo em Timon (MA)

A prisão foi efetuada pelo 2º Distrito Policial de Timon.

Uma mulher conhecida como “Patricinha do Aplicativo” foi presa na quinta-feira (27) em Timon (MA), suspeita de atrair motoristas de aplicativo para serem roubados. A prisão foi efetuada pelo 2º Distrito Policial de Timon.

  
Mulher presa. Foto: Reprodução
 
 
 

Segundo o delegado Cláudio Mendes, a mulher usava sua aparência atraente para convencer motoristas de Teresina (PI) a aceitar corridas até Timon.

"Infelizmente, isso é um grande problema nas capitais. Tivemos recentemente um latrocínio de um mototaxista. Essa mulher, agora chamada de ‘Patricinha do Aplicativo’ por ser bastante bonita, utilizava essa beleza para atrair motoristas de aplicativo para Timon," explicou o delegado.

Por volta das 16h de quinta-feira (27), um motorista de aplicativo aceitou uma corrida solicitada pela “Patricinha do Aplicativo” na Praça da Bandeira, em Teresina, com destino ao bairro Leonel Brizola, em Timon. Ao chegar ao destino, criminosos armados saíram do mato e anunciaram o assalto, roubando o celular, objetos pessoais e a motocicleta da vítima.

Após o assalto, o motorista de aplicativo contatou a polícia e forneceu a foto da mulher cadastrada no aplicativo de corridas. Ela foi presa após ser identificada.

“Ela vinha sendo investigada por outros três assaltos a motoristas de app na mesma modalidade. A equipe se deslocou até a residência dela e conseguimos efetuar a prisão em flagrante. O companheiro dela, que participou do crime, não estava na casa no momento da abordagem. Ele tem uma extensa ficha criminal por roubo,” detalhou o delegado Cláudio Mendes.

O delegado informou que será pedida a prisão preventiva do companheiro da mulher. Além disso, as equipes da Polícia Civil do Maranhão tentarão identificar o segundo homem envolvido no crime.

Leia Também

Dê sua opinião: