Zé Hamilton promete equipe para analisar gestão de Mão Santa - Política
Quarta, 22 de maio de 2024, 08:48
Política

Zé Hamilton promete equipe para analisar gestão de Mão Santa

Se eleito, o compromisso é trabalhar estrategicamente desde o início da gestão, sem interfeir em problemas passados.

O pré-candidato à prefeitura de Parnaíba, Zé Hamilton, falou em entrevista à imprensa sobre sua proposta de gestão caso seja eleito para governar a cidade litorânea. Ele afirmou que, junto com seu secretariado, assumirá o compromisso de trabalhar e planejar estrategicamente desde o início da gestão. Nada sobre a administração anterior será deixado de lado, pois um grupo de técnicos especialistas será designado para analisar os dados do governo anterior.

  

Ex-prefeito de Parnaíba, Zé Hamilton. Foto: Reprodução Redes Sociais.

   

Zé Hamilton mencionou que o comitê responsável por revisar os números e ações da gestão anterior será composto por profissionais capacitados em áreas administrativas, jurídicas e outras. 

"Esses profissionais irão lidar com tudo o que ocorreu até o dia 31 de dezembro de 2024, para que, quando houver problemas em alguma secretaria, o técnico responsável poderá reportá-lo ao secretário. Dessa forma, o secretário poderá dizer: 'Isso não é comigo, isso aconteceu na gestão passada', evitando que eles tenham que lidar com questões antigas e permitindo que se concentrem em suas responsabilidades atuais", explicou.

Quanto às pesquisas de intenções de voto em Parnaíba, os resultados indicam que o ex-prefeito Zé Hamilton aparece em segundo lugar, com 30,05% das preferências, ficando atrás do pré-candidato do MDB, Dr. Hélio, que lidera com 34,13%. Francisco Emanuel, conhecido como "O novo Francisco" e apoiado pelo atual prefeito Mão Santa, está em terceiro lugar, com 17,07%. 

  

Dados do Instituto Credibilidade, período de 23 e 24 de abril de 2024, Tribunal Superior Eleitoral sob o número PI-01792/2024. Foto: Reprodução

   

A parcela de eleitores que optaram por "Não Sabe/Não Opinou" representa 17,07%, enquanto 1,68% indicaram votar em "Nenhum/Nulo/Branco".


Leia Também

Dê sua opinião: